fevereiro 27, 2011

Pirenópolis - Rua do Lazer

Estacionamento: esse foi o único momento em que não agradeci a Cris por ter emprestado o carro. Demorei 30 minutos para achar uma vaga próximo ao centro de tudo, na Rua do Rosário, Rua do Lazer, chame como preferir, pois no sábado é dia de celebrar a diversidade em Pirenópolis.
Antes, a Rua do Rosário era uma rua residencial como outra qualquer na cidade com moradores tradicionais que foi transformada por uma rua de comércio movimentada pelo artesanato goiano com influencia dos “malucos beleza” e durante os finais de semana, nas madrugadas, o agito noturno de bares e restaurantes com musica ao vivo e mesas e cadeiras espalhadas pelas ruas e calçadas, cheio de turistas, boêmios e pirenopolinos.

Subindo a ladeira até encontrar o Bacalhau da Bibba, não pensem besteira, já explico! No meio do caminho encontrei velhos amigos que não me viram, ou viram e fizeram que não viram. Não importa, eu também não os vi na verdade. Encontrei o pacato restaurante de toldo azul simpático com poucas mesas vazias e o cardápio é simples: ou você come o prato carro chefe que custa R$150 ou belisca a sobra do bacalhau com os bolinhos vendidos à R$35. Pedi uma porção e realmente, se a sobra do bacalhau tem aquele sabor, fiquei imaginando o prato principal. Bibba foi atriz na década de 70 e ganhou um papel no Sítio do Pica Pau Amarelo, de acordo com informações do site.

Nenhum comentário:

Arquivo do blog